sábado, 13 de junho de 2009

Minuto Poético - Fernando Pessoa


Um pouco da delícia que é Fernando Pessoa. Adicionar imagem 


"Procure os seus caminhos,mas não magoe ninguém nessa procura.Arrependa-se, volte atrás, peça perdão!Não se acostume com o que não o faz feliz,revolte-se quando julgar necessário.Alague seu coração de esperanças,mas não deixe que ele se afogue nelas.Se achar que precisa voltar, volte!Se perceber que precisa seguir, siga!Se estiver tudo errado,comece novamente.Se estiver tudo certo, continue.Se sentir saudades, mate-a.

Se perder um amor, não se perca!Se o achar, segure-o!" "O poeta é um fingidor.Finge tão completamente que chega a fingir que é dor a dor que deveras sente." " O valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso existem momentos inesquecíveis e coisas inexplicáveis e pessoa incomparáveis"

Amannda Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário