Seminário de Desenvolvimento Territorial e Cooperação do Programa Território Vivo invade a cidade de Arcoverde com diversas atrações


No próximo dia 13 de dezembro, acontece na cidade de Arcoverde, a partir das 16h, o Seminário de Desenvolvimento Territorial e Cooperação do Programa Território Vivo. O Seminário marca o encerramento dos trabalhos do ano de 2017, do Programa do Sebrae Pernambuco.
O Programa Território Vivo trata-se de um movimento não partidário que busca fortalecer o protagonismo e o empreendedorismo da região. A Rede Arcoverde, do referido programa, une pessoas ligadas, ou não, a instituições públicas e privadas de 11 municípios da região, que juntas participam da construção coletiva de uma agenda de trabalho e planejamento para melhorar as condições de vida da população através da união, parceria, cooperação, força, fé, criatividade e diálogo com os diversos atores do desenvolvimento do território.
O programa conta com a participação de lideranças do setor público e privado de 11 municípios da região. As cidades integrantes desta Rede são: Arcoverde, Pedra, Venturosa, Buíque, Tupanatinga, Sertânia, Ibimirim, Itaíba, Custódia, Inajá e Manarí.
“O Seminário será uma grande celebração destas lideranças que juntas participaram, desde o primeiro encontro, de reuniões para discutir problemas e soluções que tragam para todos os municípios, desenvolvimento sustentável a partir da união e colaboração de todos em torno de uma agenda comum”, relata o Gestor de Políticas Públicas do Sebrae Pernambuco, Fernando Clímaco.
A programação do Seminário se inicia com um grande Cortejo Cultural que se apresentará nas principais ruas do centro da cidade de Arcoverde, começando no Pátio externo do CECORA, passando pela Praça Virgínia Guerra, e Entrando na Avenida Cel. Antônio Jupiassu, seguindo em direção a Estação da Cultura (antiga estação ferroviária), local onde ocorrerá Feira de Produtos do Município, ato simbólico de arborização do município e palestra com a Dra. Tânia Zapata, especialista em desenvolvimento territorial. Além da palestra de Zapata, que promete contagiar as pessoas a participar deste movimento, na ocasião contaremos com a participação de Juliana Azevedo, empreendedora da região, proprietária da Petrônio Calçados, que exibirá a sua experiência como empreendedora da região em um bate-papo com Tânia Zapata.
“A programação do Seminário tem início com uma verdadeira invasão das ruas do centro de Arcoverde, trazendo atrações culturais dos 11 municípios, uma oportunidade para que todos conheçam o potencial cultural existente na região, através da apresentação de vários grupos e artistas das cidades participantes, além da exposição e comercialização de produtos do Território que acontecerá no Pátio da Estação da Cultura já a partir das 16h”, afirma Jussara Pereira, Secretária de Desenvolvimento Econômico de Arcoverde.
O seminário é uma oportunidade imperdível para todos aqueles que querem fazer a diferença e serem protagonistas do desenvolvimento em suas cidades. Um de nossos projetos para 2018 são as Feiras Culturais Itinerantes. Este projeto consiste na realização de feiras itinerantes nos municípios que fazem parte do Território Vivo Rede Arcoverde, nas quais serão apresentados às comunidades e os visitantes toda a sua produção econômica e cultural, gerando mais negócios, emprego e renda para a população.
“O Seminário promete ser um divisor de águas, a partir do momento em que as comunidades envolvidas se empoderam dos projetos pactuados pelo grupo e buscam alternativas em parceria com diversos órgãos para colocar em prática as ações em 2018”, afirma Maurício Correa, analista do Sebrae Pernambuco e coordenador do programa.
O evento fecha as atividades de 2017 do Programa Território Vivo – Rede Arcoverde, que retorna com sua rotina de reuniões de planejamento em fevereiro de 2018 na cidade de Venturosa.

Serviço:
Evento: Seminário de Desenvolvimento Territorial e Cooperação do Programa Território Vivo
Data: 13/12/2017 (quarta-feira)
Local: início no Pátio externo do CECORA, passando pela Praça Virgínia Guerra, Av. Cel. Antônio Jupiassu e finalizando com as palestras na Estação da Cultura (antiga estação ferroviária)
Horário: 16h às 20h

Programação:
16h Cortejo Cultural – Início das apresentações culturais por todo o trajeto do cortejo (iniciando no pátio em frente ao CECORA, seguindo pelas Praças Virgínia Guerra e Avenida Cel. Antônio Japiassu até a Estação da Cultura – antiga estação ferroviária)
Atrações:
·         Grupo de sanfoneiros da Associação dos Sanfoneiros de Sertânia
·         Grupo de indígenas das Tribos Kapinawá e Kambiwá da cidade de Ibimirim
·         Grupo de indígenas da Tribo Tuxá da cidade de Inajá
·         Grupo de dança Luar do Sertão da cidade de Custódia
·         Grupo de Samba de Roda dos Quilombolas do Mundo Novo da cidade de Buíque
·         Grupo Siriri Horizonte Alegre da cidade de Pedra
·         Repentista Maxmino Bezerra e Bonecos de Eliel da cidade de Venturosa
·         Grupo de dança Flor de Chita da cidade de Tupanatinga
·         Banda Marcial de Manarí
·         Aboiadores Zuza Galdino e Benedito Galdino da cidade de Itaíba
·         Grupo Sertão Maracatu e Grupo de Coco Trupe da cidade de Arcoverde

16h – Feira de Produtos – Território Vivo e Próspero – Acontecerá durante todo o evento iniciando às 16h até 20h no largo da Estação Cultural (antiga estação ferroviária de Arcoverde). No local os visitantes e consumidores terão a oportunidade de conhecer produtos artesanais, gastronômicos e agrícolas que são produzidos nos 11 municípios do Território Vivo.

17h20min – Plantio das Árvores do Território – Momento solene onde os 11 municípios iniciam o seu primeiro projeto que seguirá a partir de 2018. A arborização dos espaços urbanos das cidades que compõem a Rede Arcoverde. Um representante de cada município plantará uma muda de árvore da região no canteiro da calçada da antiga estação ferroviária. Após o ato um grupo cultural da cidade de Arcoverde fará a execução do Hino Nacional.

17h40min – Ocupação Territorial – Momento festivo onde todos os grupos culturais farão rápida apresentação no largo da Estação da Cultura.

18h – Palestras na plataforma da Estação ao ar livre – Palestra com a Dra. Tânia Zapata, especialista em desenvolvimento territorial que explanará sobre o Programa Território Vivo e entrevistará a microempreendedora Juliana Azevedo, proprietária da Petrônio Calçados e Ametista Boutique.


19h20min – Encerramento Apresentações culturais.

Informações: Sebrae

Nenhum comentário

Amannda Oliveira. Tecnologia do Blogger.