Última chamada para os municípios se inscreverem no Programa de Regionalização do Turismo

Os municípios pernambucanos com vocação para o turismo têm até a próxima quarta-feira (31),para se inscrever no Mapa do Turismo Brasileiro. Depois de um trabalho árduo com o Ministério do Turismo, o secretário de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco, Felipe Carreras, junto com secretários de outros estados, conseguiu modificar o prazo da inscrição do Programa de Regionalização do Turismo para que os municípios que ainda não participam do Mapa do Turismo possam enviar suas documentações. Segundo a portaria da MTUR 268 de 28/12/16, a partir de agora a atualização do Mapa do Turismo será bienal: durante o primeiro ano de exercício dos mandatos de prefeito e de governador. A próxima reabertura será em junho deste ano.

Para se inscrever são necessários alguns pré-requisitos dos municípios, como possuir oferta turística; possuir características similares e/ou complementares e aspectos que os identifiquem enquanto região, ou seja, que tenham uma identidade histórica, cultural, econômica e/ou geográfica em comum; ser limítrofes e/ou distribuídos de forma contígua; possuir órgão responsável pela pasta de turismo (Secretaria, Fundação, Coordenadoria, Departamento, Diretoria, Setor, dentre outros); aderir de forma voluntária à região turística e ao Programa de Regionalização do Turismo.

“A participação no Programa de Regionalização do Turismo oferece oportunidade para os municípios elevarem suas potencialidades turísticas ao nível doturismo nacional. A inserção garante também recursos para que a atividade turística movimente a economia das regiões e consequentemente aqueça todo o Estado. Vale lembrar que a verba do Ministério do Turismo só será repassada para quem fizer parte do Mapa do Turismo e para isso será necessária essa inscrição para que os municípios sejam aprovados”, explica o secretário de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco, Felipe Carreras.

Em 2015, a Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco e o Ministério do Turismo iniciaram o recadastramento de todos os municípios pernambucanos que possuem algum tipo de estrutura turística e onde a atividade voltada para o turismo é mais consolidada. O objetivo foi formar o Mapado Turismo Brasileiro. Todos os municípios tiveram a oportunidade de se inscrever para participar do mapa. Dos inscritos, o Ministério do Turismoconsiderou 57 cidades, que estão divididas em 14 regiões. Da nova configuração, surgiram duas novas regiões: Encantos do Agreste Teares e Bordados.

Confira atualmente as regiões em Pernambuco do Mapa do Turismo:

ÁGUAS DA MATA SUL: Palmares, Quipapá e São Benedito do Sul;

ÁGUAS E VINHOS DO VALE DO SÃO FRANCISCO: Orocó, Lagoa Grande, Petrolina, Santa Maria da Boa Vista;

CANGAÇO E LAMPIÃO: Santa Cruz da Baixa Verde, São José do Belmonte, Serra Talhada e Triunfo;

COSTA NÁUTICA COROA DO AVIÃO: Goiana, Igarassu, Ilha de Itamaracá, Paulista;

ENCOSTAS DA CHAPADA DO ARARIPE: Araripina, Bodocó e Exú;

ENGENHOS E MARACATUS: Lagoa do Carro, Nazaré da Mata, Paudalho, São Lourenço da Mata e Itambé;

FÉ E ARTE: Belo Jardim, Arcoverde, Bom Conselho, Sanharó, Garanhuns, Ibimirim, Pesqueira, Poção e Saloá;

HISTÓRIA E MAR: Cabo de Santo Agostinho, Fernando de Noronha, Jaboatão dos Guararapes, Recife e Olinda;

HISTÓRICA, DOS ARRECIFES E MANGUEZAIS: Tamandaré, Rio Formoso e Sirinhaém;

ILHAS E LAGOS DO SÃO FRANCISCO: Belém do São Francisco e Petrolândia;

MODA E ECOTURISMO: Santa Cruz do Capibaribe e Taquaritinga do Norte;

SERRAS E ARTES DE PERNAMBUCO: Bezerros, Bonito, Brejo da Madre de Deus, Caruaru, Gravatá e Vitória de Santo Antão;

ENCANTOS DO AGRESTE: Agrestina, Cupira, Lagoa dos Gatos e Panelas;

TEARES, BORDADOS E RAÍZES MUSICAIS: Timbaúba, Bom Jardim, Limoeiro e Passira.

ASCOM

Nenhum comentário

Amannda Oliveira. Tecnologia do Blogger.