Musical Roque Santeiro estreia em São Paulo dia 27 de janeiro


Se você já tinha uma certa idade em 1985, vai se lembrar de Roque Santeiro, uma novela exibida na Rede Globo com texto de Dias Gomes e que tinha no elenco nomes como Regina Duarte, que vivia a viúva Porcina, Lima Duarte que fazia o papel do Sinhozinho Malta e José Wilker, como Roque. 
A novela que foi um sucesso absoluto de audiência, virou musical que estréia no dia 27 de janeiro no Teatro Faap, em São Paulo. 
A história mostra a cidade fictícia de Asa Branca, que vive do mito de Roque Santeiro, que teria morrido como mártir para defender a cidade e foi transformado em herói , lenda que movimenta a economia do município.

O elenco conta com treze atores; Jarbas Homem de Mello vive o personagem Chico Malta, enquanto Livia Camargo interpreta a Viúva Porcina. Já Flávio Tolezani é Roque Santeiro. Mel Lisboa dá vida a Mocinha — na novela papel de Lucinha Lins —, filha de Dona Pombinha, papel de Nábia Vilella. Já Dagoberto Feliz é o Prefeito Abelha, à frente da política de Asa Branca, a cidade fictícia onde se passa a obra.
Edson Montenegro é Padre Hipólito, que na TV foi interpretado por Paulo Gracindo. Já Matilde, dona do bordel da cidade, que no folhetim foi vivida por Yoná Magalhães, é interpretada por Luciana Carnieli, e as prostitutas Rosali e Ninon, que lançaram ao estrelato televisivo Ísis de Oliveira e Claudia Raia, serão vividas por Yael Pecarovich e Giselle Lima.
O elenco ainda traz Marco França como Toninho Jiló, Samuel de Assis, como Zé das Medalhas, e Cristiano Tomiossi, como o General

Quem assina a trilha sonora do musical que traz elementos de tango, baião, valsa e bolero é o cantor e compositor Zeca Baleiro, que compôs novas canções para o espetáculo, além de utilizar algumas letras deixadas por Dias Gomes.
Amannda Oliveira

Nenhum comentário

Amannda Oliveira. Tecnologia do Blogger.