Arquimedes Valença fez história ao ser empossado pela quarta vez prefeito do município de Buíque

Foto: PC Cavalcanti
Numa cerimônia marcada pela presença popular, emoção e a esperança de um povo em ver o município sair do caos administrativo em que se encontra, o prefeito Arquimedes Valença fez história ao ser empossado pela quarta vez prefeito do município de Buíque. Como o seu vice, novamente o médico Dílson Santos, o mesmo que em 1988 completou a chapa em cabeçada por Arquimedes, na sua primeira passagem pela prefeitura, repetindo em 2016, o mesmo sucesso e contrariando as previsões dos seus adversários, que na pré campanha espalharam adesivos em seus carrões, apostando que a "chapa de 88 não colaria em 2016".

Foto: PC Cavalcanti
A cerimônia começou na Câmara Municipal, com a posse dos novos vereadores, o juramento e a eleição para escolha do novo presidente da Casa Jorge Domingos Ramos, vencida pela estreante Corina de Modézio, que disputou o cargo como candidata única e obteve 13 dos 15 votos em disputa.

Para um plenário tomado por populares, o agora vice-prefeito Dr. Dílson Santos, que no seu vasto currículo político já ocupou a secretaria de saúde, foi prefeito do município, vereador por dois mandatos e acaba de tomar posse pela segunda vez como vice-prefeito, lembrou da responsabilidade que a dupla terá para resgatar a alto-estima da população, sem esquecer do caos que se encontra a saúde do município. Dílson reconhece que o desafio é enorme, mas aposta na força e na determinação do prefeito para o trabalho, aliado ao empenho de todos que agora fazem parte do governo, para que o município volte a se desenvolver o o povo tenha de fato a atenção merecida por parte dos seus representantes, tanto no legislativo, quanto no executivo. O vice-prefeito agradeceu a população por mais um voto de confiança, e prometeu ajudar o prefeito a tirar Buíque do estado crítico em que se encontra.

Com a popularidade nas alturas, o prefeito Arquimedes foi muito aplaudido pela multidão que superlotava o plenário e as ruas onde fica localizado o prédio do Poder Legislativo e o Palácio Municipal. Em seu primeiro pronunciamento após ser empossado, o chefe do executivo municipal deu o tom de como deve ser o seu novo governo, que terá um olhar voltado para o desenvolvimento do município, tirando-o da vergonhosa última colocação no ranking dos municípios que mais se desenvolvem no Estado. Segundo Arquimedes, a atenção a população, especialmente aos mais carentes, será uma das marcas do seu quarto mandato.
Foto: PC Cavalcanti
"Vocês terão novamente nessa prefeitura o direito de falar com o prefeito de vocês. No dia em que eu não estiver no gabinete atendendo o povo, é porque estarei em outra missão, trabalhando e tentando trazer para Buíque aquilo que precisamos para poder fazer uma boa gestão. Sabemos que o prefeito não pode governar apenas dentro do gabinete, temos que nos reunir com os nossos secretários, ir até o Governo do Estado, a Brasília, percorrer os ministérios, buscar o que precisamos para o desenvolvimento do nosso município", disse Arquimedes, que acrescentou: "É preciso também que o povo de Buíque tenho novamente o prazer e a satisfação de vir no gabinete apertar a mão do seu amigo e do seu prefeito". 

O prefeito lembrou as promessas de campanha e pediu um pouco de paciência a população, lembrando as condições desfavoráveis em que se encontra a prefeitura, somando a crise política e econômica do País, além da grave estiagem que castiga o Nordeste, especialmente a nossa região. Para Arquimedes, desafios que serão vencidos com a união de todos e a determinação da sua equipe. 

"O que eu dizia na minha campanha e todos os compromissos que fizemos iremos cumprir. Vamos cuidar do nosso povo. Vamos cuidar da nossa gente. Vamos valorizar as pessoas. Vamos recuperar a alto-estima do povo de Buíque. Vamos fazer esse povo sorrir. Vamos fazer com que o povo saiba que em todos os momentos, na alegria ou na tristeza, a gente está junto, se encontrando, dialogando e se apoiando", disse o prefeito, garantindo que o vice-prefeito também terá o seu próprio gabinete para atender a população, o que acontecia nas suas outras passagens pela prefeitura. 

"Dr. Dílson terá um gabinete onde poderá trabalhar e aonde ele vai poder acompanhar, não só as ações da saúde, mas todas as ações do nosso governo. Dr. Dílson terá a sua disposição, todos os mecanismos para que possa, junto conosco, enfrentar todos os desafios", garantiu o prefeito. 

Um dos momentos mais aplaudidos pela população foi quando o prefeito prometeu que os tradicionais festejos do município serão resgatados, principalmente o carnaval, que nas suas gestões, especialmente na terceira, ganhou o título de maior e melhor do interior de Pernambuco. Ao final do seu discurso, Arquimedes garantiu: "As festas de final de ano sempre estiveram no calendário do nosso município, e não vai ser diferente no final desse ano. Nós voltaremos a realizar as festas de final de ano, e nesse dia, em palanque, iremos fazer um balanço e vamos mostrar a população o resultado de um ano de muito trabalho", finalizou.

Informações: PC Cavalcanti

Um comentário:

Amannda Oliveira. Tecnologia do Blogger.