Pernambuco arrecada R$ 700 mil em Leilão de Energia

Empresa curitibana arremata certame e consolida sucesso de polo energético

A comercializadora curitibana Tradener foi a vencedora do Leilão de Energia Solar promovido pela Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper), vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sdec). A empresa arrematou 1 MW/med produzido pelos parques Fontes Solar I e II, da Enel Green, em Tacaratu, ao preço de R$ 165/MWh, o que resulta em uma arrecadação total de R$ 700 mil. O certame contou com a participação de 16 grupos, dos quais nove efetivaram propostas. A Tradener adquiriu o direito de comercializar esta energia até 1º de janeiro de 2017. Após este período, a ideia é que o consumo seja feito por prédios da administração pública que migrarão para o mercado livre. O resultado será publicado no Diário Oficial deste sábado (9/7).
Para o secretário de Desenvolvimento Econômico, Thiago Norões, o sucesso do Leilão firma Pernambuco como um polo energético, que vai desde a produção de equipamentos à geração propriamente dita e consolida a atuação do Estado, via AD Diper, como comercializador de energia. “É um processo pioneiro e que tem um futuro promissor. O mercado reconheceu que há uma entidade trabalhando sério e podemos usar isso como vetor de atração de investimentos, quando nenhum outro estado do país tem essa condição”, ressalta Norões.
A partir de agora, o Governo do Estado intensificará os trabalhos para migrar espaços públicos para o mercado livre, dentro da política de redução de custos e disseminação das energias renováveis. O Centro de Convenções de Pernambuco (Cecon-PE) foi o primeiro a realizar a migração, em 1º de junho, passando a consumir 0,8 MW/med da produção de Tacaratu. Dessa forma, o estabelecimento conseguirá reduzir em cerca de 60% seus custos anuais com energia. O processo para ingressar no mercado livre exige análises envolvendo a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) e a Companhia Energética de Pernambuco (Celpe).
A produção solar total da Enel Green Power no Estado é de 1,8 MW/med. A empresa foi uma das vencedoras do primeiro Leilão de Energia Solar do país, promovido pelo Governo de Pernambuco, em 2013. O empreendimento está interligado a uma planta eólica na mesma área física de instalação, sendo o primeiro parque híbrido do Brasil.
ASCOM

Nenhum comentário

Amannda Oliveira. Tecnologia do Blogger.