Inspirado na Obra de Dominguinhos, Rodrigo Zan e Banda se apresentam no Sesc Santo Amaro

Foto: Adriano Rosa

Dia 26 de junho de 2016, às 17hRodrigo Zanc e Banda apresentam no Sesc Santo Amaro um show que passeia por melodias e harmonias rebuscadas, sem perder o tom da moda de viola.
Apesar das influências da música caipira de raiz, Rodrigo Zanc tem sua carreira baseada na pesquisa de novos caminhos e possibilidades com a viola caipira. O trato com as canções, as harmonias, os arranjos, a colocação da voz nos remetem a um show que foge do convencional e traz o belo dos acordes.
A verdade inerente na obra de Dominguinhos fez despertar no violeiro o desejo de prestar esse tributo. O trabalho de ambos é mais uma prova de que pouco importam os sotaques ou origens quando trata de fazer música.

REPERTÓRIO
No show Rodrigo Zanc e banda, vão apresentar parcerias de Dominguinhos com Nando Cordel em De volta pro aconchego, Gostoso demais, Faz de Mim e Isso Aqui Tá Bom Demais, com Gilberto Gil em Abri a Porta e Lamento Sertanejo, Manduka em Quem Me Levará Sou Eu, Fausto Nilo com Pedras Que Cantam, entre outras.

RODRIGO ZANC
Rodrigo Zanc pesquisa a viola brasileira e suas influências há mais de 20 anos, desde então vem lutando pela manutenção e propagação da cultura ligada ao instrumento. Com um tocar autêntico, sua viola passeia por melodias e harmonias rebuscadas, por vezes imprevisíveis, porém, sem perder a singeleza que toca ao coração. Participou de inúmeros festivais para tornar sua música conhecida. Dentre eles, cinco edições consecutivas do Viola de Todos os Cantos (EPTV/GLOBO), conquistando importantes premiações. Em 2006 lançou Pendenga, seu primeiro CD. As andanças com o primeiro disco levaram-no à Europa, em 2010. Por aqui, proporcionaram a oportunidade de dividir o palco com importantes representantes da nossa música, como Pena Branca e Zé Mulato e Cassiano. Em 2013, produziu seu segundo disco, Fruto da Lida, e foi selecionado para o 26º Prêmio da Música Brasileira no ano seguinte. Seus shows vêm conquistando os palcos das unidades do SESC e SESI no Estado de São Paulo, além de festivais, mostras culturais e projetos incentivados, através do ProAC. 

RODRIGO ZANC E BANDA
Local: Praça
Dia: 26 de junho. Domingo, às 17h.
Duração: 90 minutos.
Classificação: Livre.
Ingressos: Grátis

ASCOM

Nenhum comentário

Amannda Oliveira. Tecnologia do Blogger.