Arcoverde é selecionada para participar do Programa de Educação Integrada

Foto: César de Almeida
A prefeita de Arcoverde, Madalena Britto, acompanhada pelo secretário de Educação, Kerley Lafayette, participou nesta terça-feira, dia 28, do lançamento do Programa de Educação Integrada no Palácio do Campo das Princesas, sede do Governo estadual, no Recife. O objetivo é contribuir para a melhoria do desempenho do Ensino Fundamental no Estado de Pernambuco. Para esta primeira fase foram escolhidos 15 municípios, Arcoverde entre eles.
“Estamos muito felizes por nosso município ter sido selecionado para esta primeira fase. Até porque a Educação é a nossa grande prioridade”, explicou Madalena Britto, durante o evento, logo após assinar o documento que determina a inclusão de mais uma escola em Arcoverde, que vai funcionar em tempo integral.
O Programa seguirá quatro grandes eixos: qualificação da Educação Infantil, fortalecimento das ações de alfabetização, implantação de uma escola de tempo integral em cada um dos municípios (Arcoverde, entre eles), além do apoio aos municípios no âmbito da gestão. O Governo do Estado também destinará cerca de R$ 10 milhões em investimentos para realização de melhorias na infraestrutura nas unidades de ensino que receberão o ensino integral. As escolas já estão sendo avaliadas e a previsão de implantação é para o próximo ano.
No futuro, outras cidades pernambucanas serão contempladas pela iniciativa. A abrangência desta primeira fase do programa envolve 447 escolas de ensino fundamental e quase cinco mil professores, beneficiando mais de 93 mil estudantes nas redes municipais, desse conjunto de 15 municípios. O processo de implantação do projeto piloto será realizado nos próximos dois anos, seguindo até 2018. A previsão é expandir o número de cidades beneficiadas após esse período. A realização deste projeto piloto conta com o apoio operacional, técnico e financeiro das seguintes instituições: Unicef, Neoenergia, Instituto Natura, Instituto de Co-Responsabilidade pela Educação (ICE) e Instituto Sonho Grande.
Escolhidos com base em indicadores de desenvolvimento educacional e social, os outros 14 municípios (além de Arcoverde) contemplados com a ação são: Camaragibe (Metropolitana), Itapissuma (Metropolitana), Timbaúba (Mata Norte), Tamandaré (Mata Sul), Santa Cruz do Capibaribe (Agreste Setentrional), Bonito (Agreste Central), São Bento do Uma (Agreste Central), Bom Conselho (Agreste Meridional), Afogados da Ingazeira (Sertão do Pajeú), Flores (Sertão do Pajeú), Floresta (Sertão de Itaparica), Salgueiro (Sertão Central), Cabrobó (Sertão do São Francisco) e Trindade (Sertão do Araripe).
Participaram da solenidade os representantes das instituições: Romeu Donizete Rufino, diretor geral da Agência Nacional  de Energia Elétrica (Annel);  Antônio Carlos Sanches, presidente da Celpe; David Saad, diretor presidente do Instituto Natura; Win Desmedt, diretor de Parcerias da Unicef; Jane Santos, chefe do Escritório da Unicef em Recife; Marcos Magalhães, presidente do Conselho de Administração do Instituto de Co-Responsabilidade pela Educação (ICE Brasil); Igor Xavier Correia Lima,  diretor presidente do Instituto Sonho Grande.
ASCOM

Nenhum comentário

Amannda Oliveira. Tecnologia do Blogger.