Ganhe o Mundo abre seleção para 2016 com vagas para jovens com habilidades em música e esportes

Foto: Roberto Pereira/SEI

O Programa Ganhe o Mundo (PGM) e sua contribuição no estímulo à aprendizagem dos alunos da Rede Estadual seguem como prioridades para o Governo de Pernambuco. Em um ato no Palácio do Campo das Princesas, nesta segunda-feira (07.12), o governador Paulo Câmara anunciou os detalhes da edição 2016 do projeto, destacando a criação de sua versão musical e a ampliação do número de oportunidades a jovens atletas. A nova seleção começa na próxima quarta-feira (09) e segue até o dia 12 de janeiro. Já os embarques estão programados para julho de 2016.  

No próximo ano, o PGM ofertará mil vagas, sendo 10 para estudantes com habilidade em música ou canto e mais 20 para jovens atletas da Rede Pública Estadual. Na edição 2015, foram 11 esportistas beneficiados. O governador Paulo Câmara comentou a repercussão do programa em toda a Rede Estadual e a transformação que proporciona aos alunos. 

"É importante que na educação tenha todas as variáveis necessárias para que o estudante sinta vontade de ir a escola, sinta vontade de estudar e saiba que ele vai realizar os seus sonhos estudando. O programa Ganhe o Mundo busca alimentar os sonhos dos nossos alunos. Quem não quer fazer um intercâmbio no exterior para aprimorar uma nova língua e conhecer outra cultura? Isso tem feito a diferença em muitas escolas pernambucanas", afirmou. 

Paulo pontuou que o PGM se juntou a uma série de iniciativas que fazem da escola pública de Pernambuco a mais atrativa do País. O gestor ressaltou que, apesar das dificuldades impostas pela crise econômica nacional, o Estado fez os esforços necessários para assegurar os investimentos na educação, com o objetivo de seguir conquistando melhorias no ensino ofertado aos nossos estudantes. "É uma alegria no fechamento do ano de 2015, diante de tantos desafios que aconteceram esse ano, a gente saber que conseguimos avançar na educação e conseguimos manter um dos melhores programas do Brasil. Isso mostra claramente que o trabalho de todos têm dado resultado e que a gente vai conseguir avançar cada vez mais", frisou o governador. 

Criado na gestão do ex-governador Eduardo Campos em 2012, o programa já enviou 3,9 mil pernambucanos para uma temporada de estudos no exterior. Este ano, o PGM vai enviar intercambistas para oito países, sendo quatro de língua inglesa (Canadá, Estados Unidos, Nova Zelândia e Austrália) e quatro de língua espanhola (Argentina, Chile, Espanha e Uruguai). 

Aluna da Escola Professora Jandira de Andrade Lima, de Limoeiro, Hortência Aguiar afirmou que o programa transformou sua realidade. Através do PGM, a jovem estudou um semestre na Stephenville High School, no Canadá, onde aumentou o domínio do segundo idioma e conheceu uma nova cultura. "Como filha de uma zeladora e de um vendedor, eu não me imaginava estudando língua inglesa em outro País. O Ganhe o Mundo foi o programa que mudou a minha vida. Eu tenho orgulho de ter sido embaixadora do meu Estado no Canadá", afirmou a jovem. 

Para o secretário Estadual de Educação, Frederico Amâncio, histórias como a de Hortência Aguiar comprovam a eficácia da iniciativa pernambucana, que investe cerca de R$ 20 milhões por ano no programa. "As histórias de sucesso mostram apenas que os nossos jovens têm talento e precisam apenas de uma oportunidade ", afirmou o secretário, após apresentar o cronograma da edição 2016 do programa Ganhe o Mundo.

SELEÇÃO - Para participar da seleção, é preciso ter de 14 a 17 anos, estar matriculado no primeiro ano do ensino médio e participar do curso de idiomas promovido pelo PGM. As inscrições seguem até o dia 12 de janeiro e devem ser feitas no site da secretaria de Educação (www.educacao.pe.gov.br), onde também estarão disponíveis o edital e todos os detalhes referente ao processo seletivo.

No caso do Ganhe o Mundo Musical, que vai contemplar alunos com habilidade em canto ou instrumento, as inscrições devem ser feitas até o dia 20 deste mês. Além de atender aos critérios gerais do programa, o candidato deverá ser aprovado na análise prática e na avaliação específica. Para ser avaliado no teste prático, candidato deverá enviar um vídeo com até três minutos. Os selecionados vão estudar em escolas no Canadá e no Estados Unidos. 

Para os alunos/atletas interessados em concorrer a uma vaga na modalidade esportiva, será necessário ir pessoalmente na Secretaria de Esportes e Lazer, no Centro de Convenções, em Olinda, no período de 14 de dezembro a 12 de janeiro. O resultado dessa seleção será divulgado pela secretaria em fevereiro. Para ter o direito de viajar, o candidato precisará atender aos requisitos do programa e possuir resultados expressivos em competições disputadas no últimos 12 meses.

O secretário de Turismo, Esportes e Lazer, Felipe Carreras, contou que a experiência dos atletas pernambucanos foi bastante proveitosa. Felipe também informou que os atletas beneficiados na edição 2015 do PGM conseguiram melhorar o desempenho em suas modalidades. "Considerando o atual cenário econômico brasileiro, é uma alegria compartilhar aqui a expansão do Ganhe o Mundo Esportivo. Para os 11 que foram no início deste ano para o Canadá todos melhoraram suas marcas e conquistaram mais medalhas", comemorou Felipe Carreras. 

Com objetivo de fazer uma distribuição mais equilibrada das vagas disponíveis, o Governo de Pernambuco definiu que o programa  contemplará, pelo menos, um candidato por escola. Além disso, foi estabelecida uma nota mínima de 7,0 na prova de idiomas. "Eles ganham o Mundo e voltam com outra cabeça para o Estado e sabendo que, com o seu esforço próprio, é possível ser reconhecido", concluiu o governador. 

ASCOM

Nenhum comentário

Amannda Oliveira. Tecnologia do Blogger.