Movimento Mangue pauta última sessão do Cine É Proibido Cochilar, na Casa do Patrimônio de Olinda


Projeto do Cine É Proibido Cochilar que leva cinema à Casa do Patrimônio chega a sua última sessão do ano com a exibição de dois documentários sobre o Movimento Mangue, na próxima quinta-feira (19). O público terá a oportunidade de assistir gratuitamente, a partir das 19h, O Mundo É Uma Cabeça, de Bidu Queiróz e Cláudio Barroso e De Malungo pra Malungo, de Alexandre Alencar. 

O curta O Mundo é uma Cabeça que enfoca o Manguebeat narra de uma maneira descontraída, como os principais nomes dessa nova cena musical, Chico Science, Fred 04, Otto e Siba forjaram uma nova estética na música popular brasileira. O documentário tem 17 minutos de duração e foi lançado em 2004.

A programação se encerra com De Malungo pra Malungo, documentário de 1999 que também retrata a cena Mangue que agitou a cultura pernambucana nos anos 90. O média-metragem é uma realização da Luni Produções e tem 38 minutos de duração.


A ação que acontece desde junho na Casa do Patrimônio de Olinda, ligada ao Iphan-PE tem o objetivo de ser mais uma janela de exibição para os realizadores brasileiros, sobretudo, nordestinos e é resultado de um acordo de cooperação técnica com órgãos e entidades parceiras que se propõem a oferecer atividades culturais para população de forma gratuita. 

Ao todo, foram realizadas 11 sessões nas quais o público assistia aos filmes e participavam de debates com cineastas, jornalistas e produtores culturais pernambucanos. 

O Cine que faz parte da Iniciativa da Representação Regional Nordeste do Ministério da Cultura (RRNE/MinC) retomará as atividades na  Casa do Patrimônio, em março de 2016.


SERVIÇO:

Cine é Proibido Cochilar na Casa do Patrimônio de Olinda
19 de novembro, quinta-feira, às 19h
Na Rua do Amparo, Nº 59 – Olinda

ASCOM

Nenhum comentário

Amannda Oliveira. Tecnologia do Blogger.