sábado, 10 de março de 2012

Armando Monteiro: " Só cabe a Garanhuns escolher os seus próprios caminhos."


Uma das presenças mais esperadas na noite de inauguração do novo prédio da Câmara de Vereadores de Garanhuns era sem sombra de dúvidas a do Senador da República Armando Monteiro Neto devido aos últimos acontecimentos políticos na cidade onde pairava a dúvida de quem ele apoiaria para sentar na cadeira do executivo do município.

O discurso de Armando Monteiro mostrou claramente que ele não vai brigar com Eduardo Campos, mas que não abrirá mão da candidatura de Izaías Régis.

Antes da solenidade onde recebeu o título de cidadão de Garanhuns, o senador afirmou a representantes da imprensa que:“Izaías tem credenciais para se colocar como candidato e o PTB o estimulou a assumir essa candidatura. O partido valoriza muito a candidatura de Izaías Régis por entender que ela tem compromissos com Garanhuns e que nós vamos, através dessa candidatura, poder oferecer a Garanhuns uma proposta para o futuro. Isso é o que me anima. É poder trabalhar numa agenda pró-desenvolvimento de Garanhuns”, disse Armando Monteiro, em entrevista a blogueiros da região, acrescentando: “Izaías está alinhado com esse momento da vida de Pernambuco, com as mudanças que vêm ocorrendo em Pernambuco, que vêm sendo construídas e operadas sob a liderança do governador Eduardo Campos”.


Armando Monteiro recebeu o título de cidadão de Garanhuns das mãos do ex-vereador Audálio Ramos e começou o seu discurso afirmando que não tinha como relatar o que fez por Garanhuns, mas sim o que Garanhuns fez por ele afirmando que se hoje é senador da república deve parte do mandato a cidade.

O senador falou a respeito do atual momento econômico vivido por Pernambuco devido ao fruto de um trabalho desenvolvido pelo  governador Eduardo campos. 

Depois Armando mandou um recado direto para todos os pré candidatos que estavam na Câmara ao afirmar que : " Garanhuns é acolhedora, mas Garanhuns é muito ciente da sua autonomia e da sua independência. Por isso, só Garanhuns e só cabe a Garanhuns escolher os seus próprios caminhos .E esse povo saberá fazê-lo com a sua consciência crítica com seu discernimento, com sua própria capacidade de poder trilhar os seus caminhos do futuro."

Monteiro disse que Pernambuco tem uma dívida com o Agreste Meridional  e que é fundamental inserir o Agreste de forma mais efetiva no momento da vida de Pernambuco, destacando a importância de promover não apenas a duplicação da BR 423, mas investir em educação ampliando o polo educacional da cidade e o curso de engenharia.

Mandando um recado direto aos políticos presentes Armando disse que : "É necessário buscar convergências , não vamos ficar arengando , por que a arenga e as disputas menores nada constroem.Vamos convergir para uma agenda fundamental que se constitua no fortalecimento dessa representação política de Garanhuns."

Amannda Oliveira




Nenhum comentário:

Postar um comentário